“Somente a moda já acordou, o restante ignora totalmente a população gorda”, diz Flávia Durante, criadora da Feira Pop Plus

A jornalista Flávia Durante é a criadora do Pop Plus, uma das maiores feiras de moda plus size do Brasil, que acontece neste fim de semana (9 e 10 de dezembro) na Capital, no Club Homs (Av. Paulista, 735 – a 200m do Metrô Brigadeiro), das 12h às 20h, com entrada gratuita. Ela conversou com o Santos Em Off sobre o mercado plus size, tendências e futuro e os cinco anos do evento.

Flávia, fale um pouco sobre o crescimento do mercado Plus Size no Brasil?

Roupa para pessoas gordas até já existia. O que não existia era a moda. Aquela com estilo e tendências atuais, que vemos para pessoas magras nos shoppings e lojas. A internet facilitou que consumidoras insatisfeitas se mobilizassem e começassem a pressionar as marcas para que aumentassem a grade de suas coleções. E algumas mulheres gordas, cansadas de não encontrarem moda de acordo com a sua personalidade, começaram a tomar frente disso, e abrirem suas próprias marcas e criarem os seus próprios eventos. O que foi o meu caso. Eu sou jornalista, formada pela UniSantos, trabalhei a vida toda em redação e assessoria de imprensa, e cansada de não encontrar uma moda plus size com a qual eu me identificasse criei o Pop Plus em dezembro de 2012. Na ocasião revendia biquínis GG nas horas extras e reuni meia dúzia de marcas de amigas em um pequeno galpão no Bixiga. E hoje, 5 anos depois, reunimos em média 50 marcas por edição atraindo um público de cerca de 10 mil pessoas a cada feira.

Nos cinco anos da feira, você deve ter conhecido muita gente que se assumiu gordinho e é muito feliz hoje?

Com certeza! O que incentivamos com esse movimento é o bem-estar, a autonomia, o amor próprio e, acima de tudo, o respeito às diferenças. Muitas mulheres e homens por serem ou estarem gordos acreditam que não são dignos de se vestirem bem, de serem amados, se não se sentirem belos, de conseguirem um bom emprego, de serem bem tratados no médico. Pois a mídia e a sociedade mostram o tempo todo o gordo como doente, preguiçoso, feio e incapaz. Mostram a obesidade como o “mal do século” mas a pressão estética acaba sendo extremamente prejudicial à saúde física e mental. Recentemente o mundo ficou chocado com o caso da menina irlandesa de 11 anos que tirou a própria vida por não estar feliz com o próprio corpo. E infelizmente em minhas palestras e debates recebo relatos similares de meninas cada vez mais novas. É alarmante! A autoestima deve ser estimulada desde cedo pelas famílias. Não estamos incentivando o sedentarismo ou as pessoas a comerem até morrer mas sim o respeito pelas diferentes formas de corpos existentes. Ninguém precisa se esconder, ser xingado ou maltratado por ninguém por não estar em um padrão considerado ideal.

Dá para estimar quanto esse mercado movimento no Brasil ou em São Paulo hoje?

Dados

As pessoas “acima do peso” no Brasil já são maioria sim. Segundo dados de 2015 do IBGE, quase 60% da população brasileira. No entanto, apenas 17,5% do varejo no Brasil vende roupas grandes, sendo que somente 3,5% das lojas são especializadas em moda plus size (Fonte: Sebrae)

Mercado

* Segundo dados de 2015 do IBGE, quase 60% da população brasileira está acima do peso. Dados exatos = 56,9 %

* Segundo dados de 2015 da Abravest (Associação Brasileira do Vestuário), o mercado da moda plus size movimenta anualmente cerca de R$ 4,5 bilhões no país, representando 5% do faturamento total do setor de vestuário, que ultrapassa R$ 90 bilhões.

* Mercado de moda plus size aumentou 6% em 2016 no Brasil. As estimativas de crescimento de 2017 são de 8,2%.
Fonte: IEMI – Inteligência de Mercado

* Apenas 17,5% do varejo no Brasil vende roupas grandes, sendo que somente 3,5% das lojas são especializadas em moda plus size
Fonte: Sebrae

* Google Adwords diz que busca pelo termo “plus size” cresceu quase 20 vezes nos últimos 5 anos no Brasil

Pop Plus

* 6 expositores na primeira edição, em dezembro de 2012
* 50 expositores de moda e acessórios na 19ª edição, em dezembro de 2017
* mais de 200 expositores cadastrados no mailing, em lista de espera
* cerca de 44 mil pessoas já passaram pelas 18 edições (até setembro de 2017)

 

As estampas e modelos de roupas hoje só se diferenciam mesmo pelo tamanho? A moda está mais democrática?

Ao contrário do que se pensa, para se fazer moda plus size não basta apenas aumentar o tamanho das roupas. O corpo gordo tem suas especificidades como a questão do cós, parte interna das coxas e dos braços, que precisa ser mais reforçada. Mas em termos de estampas, cores e modelos queremos exatamente a mesma coisa que a moda regular: roupas justas, blusas curtas, brilhos, cores, estampas, transparências. Quem decide o que fica bom ou não é a própria pessoa. O “certo” ou “errado” é um conceito ultrapassado na moda de hoje.

Qual é o seu sonho como empreendedora Plus Size?

Que daqui a alguns anos não seja mais necessário o termo moda plus size e que em todas as lojas quem vista do 34 ao 60 seja atendido da mesma forma com o mesmo tipo de roupa.

Fora a moda, quais setores você acha que já acordaram para esse grande público e quais ainda acha que não se tocaram da importância disso?

Somente a moda já acordou, o restante ignora totalmente a população gorda, embora ela já seja uma boa parte da população mundial. Ainda não existem calçados específicos para pés gordos. Móveis, roupas de cama e banho, indústria automobilística, transporte coletivo, equipamento médico. Quem pesa acima de 120kg não raramente tem dificuldade de encontrar equipamentos de ressonância magnética. Ou é obrigado a se pesar em hípicas e veterinárias. Isso é altamente desumanizador. As pessoas costumam dizer “ué, é só emagrecer!”, como se fosse um passe de mágica e sem levar em consideração as características ou desejos de cada pessoa.

 

Feira Pop Plus

O evento promete apresentar as tendências do segmento para o verão, além de oferecer aos visitantes a possibilidade de saírem de lá com um look maravilhoso para as festas de final de ano e muitos presentes de Natal para seus amigos e familiares queridos.

A feira, que dessa vez estará assoprando velinhas, tem muito para comemorar. Se em dezembro de 2012, quando começou, eram oito marcas, e cerca de 120 visitantes, em dezembro, ao completar 5 anos de muito sucesso, conta com 50 marcas expositoras de moda feminina e masculina, incluindo praia, íntima e fitness, calçados e acessórios (bolsas, cintos, bijuterias) e espera receber 12 mil pessoas (20% a mais que a última edição, em setembro/17). Vale ressaltar que na Pop Plus é possível encontrar moda plus size de fato: do 46 ao 66 no feminino e até o 78 no masculino.

Nessa edição de aniversário, a organização privilegiou as marcas que já estão no evento há bastante tempo, e abriu espaço só para uma estreante: Taty Tá Lokaa, fabricante de leggings descoladas.

Para completar, atrações diversas serão oferecidas ao público, como aulas de yoga e shows. As atrações serão divulgadas no site www.popplus.com.br. Além disso, o Pop Plus contará com praça de alimentação para que ninguém precise sair do local e aproveite o evento ao máximo.

MODA FEMININA: Ackon Wear, Asobi Mode Japan, Assens, Atelier Cretismo, Attribute Jeans, Belle Rose Plus Size, Carol Zacarias PlusSize, Clamarroca Plus, Chica Bolacha, Creare, FALA, Flaminga, Gracia Alonso, LAB, Lambuzada, Lólla Rio, Lu Carmell, Madee Moda Plus, Madeleines, Maria Abacaxita, Melinde, NaBeca Tamanhos Reais, Nina Vazquez Moda e Estilo, Psil Plus Size, Rainha Nagô, Rouge Marie Plus Size, Scarlets, Taty Tá Lokaa, Titha Plus Size, True E-motion, Vestgrande, Vintage&Cats, We Love Atelier, Zuya.

MODA MASCULINA: Ackon Men’s Wear, Afro Style, Chico, LAB, Lambuzada, Vestgrande.

CALÇADOS E ACESSÓRIOS: Clube da Meia Calça, Fofura Plus, Mary Help, Paula Ribeiro Bolsas, Sandalú Sapatilhas.

MODA PRAIA/FITNESS: Bambina Beachwear, Cor de Jambo Moda Praia, Wonder Size.

LINGERIE/DORMIR: Basic 4 Curves, Cuecas Santo Homem, For All Types, GG.rie, JM Pijamas, Morisco Lingerie

GASTRONOMIA: Cupcake Ito, Mapuche Empanadas, Le Velmont Crepes

Serviço – entrada grátis
19º Pop Plus – www.popplus.com.br
Data: 09 e 10 de dezembro (sábado e domingo)
Horário: das 12h às 20h
Local: Club Homs
Endereço: Avenida Paulista, 735 – Jardim Paulista – São Paulo/SP (próximo ao Metrô Brigadeiro)

A conferir.

 

Confira quem está na frente da corrida presidencial do Peixe- “Nos Bastidores do Santos FC”

A pouco mais de um mês das eleições no clube, o Blog Santos Em Off teve acesso aos números de mais uma pesquisa. Tem candidato dizendo que está tudo certo para utilização do Pacaembu em 2018;  um conselheiro que anda ameaçando geral; otimismo na campanha de Andres Rueda e muito mais.

Empate técnico

Pesquisa realizada pela União Santista, antes do jogo de sábado na Vila Belmiro, aponta empate técnico entre Modesto Roma Júnior e José Carlos Peres. Andrés Rueda vem em terceiro e Nabil Khaznadar, em quarto.

Empate técnico 2

De acordo com os dados levantados pelo Blog Santos Em Off, a pesquisa foi feita com sócios do Santos Futebol Clube, aptos a votar, no dia 9 de dezembro. Modesto Roma tem 35% das intenções de voto. Peres vem logo atrás com 34%. Andres Rueda obteve 17% . Nabil ficou com 4%. Os indecisos são 7% e votos brancos, nulos ou não vai votar ninguem ficou com 3%.

Mantendo o otimismo

Apesar dos terceiros lugares na últimas pesquisas, a coordenação da campanha de Rueda e Quaresma considera os resultados animadores. Os motivos do otimismo são: Rueda é o fato novo na eleição, sua campanha começou há pouco tempo, a partir de agora ele e suas propostas ficarão mais conhecidos dos sócios do clube e faltam mais de 30 dias para a eleição.

Tudo acertado

Caso Nabil Khaznadar, do grupo “O Santos Que Queremos”, vença a eleição, ele já tem tudo acertado para o Santos conseguir a concessão do Pacaembu. O Santos ficaria apenas com o estádio de futebol e o valor ficaria perto de R$ 4,5 milhões por ano.

Tem que pagar

Qualquer time que venha a atuar no estádio pagará ao Santos pela utilização.

Assédio

Um integrante do grupo de Nabil Khaznadar garantiu que líderes de alguns grupos fechados com outras chapas andam procurando “O Santos Que Queremos” interessados em entrar na campanha. O interlocutor garante que isso aconteceu após a percepção do crescimento de Nabil no cenário eleitoral e que as negociações estão a todo vapor.

Renovar

Apesar do assédio, Nabil pensa em renovar sua chapa. Seus correligionários estão procurando sócios sem experiência política no clube para compor o Conselho. Os interessados devem entrar em contato com o Facebook da Santos que Queremos.

Azedou o leite

O conselheiro Celso Leite já revelou que se a chapa de Modesto Roma Júnior não tiver Cesar Conforti como vice, vai abandonar a campanha Santos Gigante. Ele não gosta nem de ouvir sobre a possibilidade de Adilson Durante Filho, pupilo de Marcelo Teixeira, ficar com a vaga de Conforti.

Senhor Ameaçador

Um conselheiro do Santos está virando expert em ameaças. Sempre “armado” com um taco de golfe, ele pretende agredir seriamente quem não compactua de seus ideias ou contraria suas várias posições eleitorais. Deve ser, em breve, denunciado ao Conselho Deliberativo do clube. Não escolhe desafeto. São sócios, jornalistas, conselheiros etc.

Quem administra?

A pagina Eleições 2017 – SANTOS FC, no Facebook, parece ser um ambiente democrático na internet para discutir as eleições no Peixe. Porém, não é. Quem não tem uma determinado posicionamento político ou é banido ou nem mesmo consegue ser aceito.

Capítulo repetido

Até quando vai continuar essa história que Marcelo Teixeira ainda pode ser a surpresa da próxima eleição ? Pena que dia 19 de novembro, data final para inscrição das chapas, ainda está longe.

Meninos eu vi

Em 2014 foi a mesma história. Mesmo Roma com campanha bem produzida e nas ruas, ficaram colocando Teixeira como candidato. Até quando vão viver de ilusão.

Quinta Chapa

As tentativas de união das chapas não obtiveram êxito e podem causar o surgimento da Chapa 5.

Subindo a Serra

Derrotado em todas as urnas na Capital, na eleição de 2014, Modesto Roma Júnior, da Chapa Santos Gigante, sobe a serra, nesta quinta-feira, dia 9. Às 19h30, participa de uma reunião com apoiadores de São Paulo, no Clube Helvetia, na Avenida Indianópolis, 3145, no Planalto Paulista.

Live Santástico

Andres Rueda e José Renato Quaresma, candidatos da Santástica União, participam de uma transmissão ao vivo (live) pelo Facebook, nesta terça-feira, dia 7, às 19h30, na página do grupo. Eles vão falar e responder perguntas sobre as categorias de base e o patrimônio do clube.

Pau quebrou

Existia muita expectativa sobre as declarações do cartola da DNA, Pedro Doria, no programa Carpool, quando perguntando sobre o racha com a Santástica União. Resultado: o pau quebrou na página do apresentador Felipe Mendes, no Facebook.

Mais pau

Doria é o convidado do Canal do Santos FC nesta terça-feira (7), às 20 horas, com apresentação de Ademir Quintino e Vitor Anjos. Promete mais chumbo nos seus desafetos.

De olho

Fontes de dentro do clube estão de olho nas matérias que estão sendo publicadas por um portal de esportes ultimamente. Algumas pessoas têm absoluta certeza que ex-funcionários do clube estão vazando certos dados internos, sem se preocupar com a clareza e veracidade, distorcendo fatos e fazendo insinuações maledicentes.

Votar na Capital

O eleitor precisa apenas alterar seu domicílio eleitoral, fornecendo os seguintes dados: nome completo, CPF, número de matrícula e documento oficial de identidade. Isso pode ser feito de 3 formas:- Via e-mail, pelo endereço domicilioeleitoral@santosfc.com.br;- Presencialmente, na Secretaria Social do Clube (Rua Princesa Isabel, S/N, Vila Belmiro, Santos);- Presencialmente, na Subsede de São Paulo (Av. Indianópolis, 1772 – Indianópolis, São Paulo).

Votar na Capital 2

O prazo para alteração é até 24 de novembro. Sócios que não solicitarem a alteração até esta data, terão como local de votação a cidade de Santos, independente de onde morem. Para mais informações, acesse: http://www.santosfc.com.br/mesa-do-conselho-deliberativo-i…/

A conferir.

 

Três adolescentes da Baixada Santista participam de “A Megera Domada” – O Musical

O talento de três adolescentes da Baixada Santista subiu a serra e estará no palco do Teatro Nair Bello, a partir deste domingo, dia 3 de setembro. Duda Araújo, Anthony Caio e Letícia Amaral encararam um difícil processo de seleção e foram escolhidos para estrear a peça “A Megera Domada” O Musical.

A peça é o resultado de um trabalho com 60 crianças e adolescentes diante do desafio do canto, da dança, do representar sapateando e unindo o conhecimento artístico com o lúdico.

A partir do original de William Shakespeare, Leonardo Robbi adaptou a história de  romance e comédia para um divertido dia de escola com aulas inusitadas que falam de filosofia a botânica, conduzidas pelas diretoras artísticas Cininha de Paula, Fernanda Chamma e Cynthia Falabella. A direção musical é de Willian Sancar.

A Megera Domada é uma forma de mostrar ao grande público como Shakespeare é atual, moderno, simples e principalmente divertido e musical.

Sinopse

Catarina é uma garota bonita, mas com uma personalidade forte. Seu jeito insensível assusta os garotos que a evitam por ser tão diferente de um perfil feminino. Já Bianca, sua irmã, é o oposto. É a garota mais desejada do colégio WS. Então o pai das duas orientou Batista, irmão mais velho, a não permitir que Bianca tivesse um encontro antes de Catarina.

Nesse conflito, surge Petrúquio, um garoto do interior que se muda para a nova escola e aceita a missão de tentar conquistar a megera. O patrocínio da peça é da Serv Senior e da Mahogany. A conferir.

Serviço

Local: Teatro Nair Bello

Endereço: Rua Frei Caneca, 569, 3º Piso, 01307-001 São Paulo, Capital

Fone: (11) 3472-2414

Dia e Horários: Domingo, às 11h e às 15h (Setembro, Outubro e Novembro)

Duração: 55 minutos

Ingresso: 70,00 Inteira / 35,00 meia- www.tudus.com.br

Classificação etária: Livre

 

 

 

 

Você sabia que temos subprefeitos em Santos?

Reprodução

A cidade de São Paulo tem perto de 12 milhões de habitantes. Santos possui pouco mais de 400 mil. A grande dimensão da Capital fez com que o município fosse dividido em subprefeituras. São 20 no total.  Em Santos, em 2015, a ideia foi copiada. Apesar de ter quase 30 vezes menos gente morando aqui, a Cidade tem cinco subprefeitos. Você conhece algum deles?

Na Capital, os subprefeitos são chamados para falar sobre os problemas nas suas áreas. Aqui, esses departamentos prometem ” garantir, com agilidade, a limpeza, manutenção e recuperação de espaços e prédios públicos”.

Na prática, as subprefeituras atuam mesmo para pintar sarjetas, poda de árvores e recolher entulho.Não que sejam serviços de pouca importância, mas insuficientes diante dos problemas existentes e das estruturas e do quadro de funcionários que possuem.

As subprefeituras da Orla e Centro funcionam no mesmo endereço, na Avenida Senador Feijó. Se a Prefeitura é no Centro, qual o sentido de uma subprefeitura? Por que uma subprefeitura da Orla tão distante da sua zona de atuação?

Pelo bem da informação, numa pesquisa pela internet, esses são os subprefeitos: Morros – Luiz Bezzi Pasquarelli; Área Continental – Cláudio Trovão; Região Central Histórica – Rodrigo Cavaleiro; Zona Noroeste – Acácio Egas; Região da Orla e Zona Intermediária – Fabiana Ramos Garcia Pires.A conferir.