Rui chegou e garante que não vai tirar o pé

A emoção era transparente e digna da estreia de um iniciante. Apesar dos 61 anos, a voz ficou embargada ou mesmo sumiu algumas vezes. O choro fazia questão de se apresentar quando a trajetória politica do pai e do irmão, já falecidos, aparecia no discurso de posse. Novato na Câmara Municipal de Santos, Rui de 

Rosis chegou e na primeira disputa de bola no jogo politico, não tirou o pé na dividida.
Sempre que um ex-jogador de futebol é alçado a um cargo politico qualquer, muita gente torce o nariz. Rui, além disso, carrega o sobrenome da família de políticos.

Fez um discurso no final da sessão de posse na Câmara e, mesmo sem a presença do prefeito santista que já havia ido para outra solenidade, mandou um recado que, pelo menos, os outros vereadores e as pessoas que estavam nas galerias ouviram e entenderam.

Lembrou Thomas Jefferson: “O preço da liberdade é a eterna vigilância”. O ex-meia-direita da Briosa, Palmeiras, Santos, Ponte Preta, que chutava com os dois pés, deixou claro que pretende exercer o cargo com o objetivo de fiscalizar o Executivo ou incomodar os zagueiros como fazia nos tempos do futebol profissional.
Falou de compromisso ético , interesse público, independência e ressaltou que vivia um dos dias mais felizes da sua vida. Pra finalizar, mandou um recado para seu quase quatro mil eleitores: “Não vou decepcioná-los”. A conferir.

Paulinho foi de Shakespeare a camisa suada

​Foto: Divulgacao

O prefeito Paulo Alexandre Barbosa foi empossado  novamente neste domingo pela Câmara Municipal de Santos. Perto de fazer aniversário, Paulinho vive seu inferno astral. Enfrentando problemas pessoais, afinal quem não os tem, e uma crise sem precedentes na sua administração, o ano começa tumultuado.

Com um discurso repleto de frases feitas e palavras de uso comum na boca dos políticos profissionais, Paulo Alexandre citou ícones da esquerda e ferrenhos críticos da Ditadura Militar como Dom Helder Câmara e Dom Paulo Evaristo Arns, também falou de Shakespeare e Chaplin.

Citou a “energia revigorada e o enfrentamento de desafios” e que seu secretários terão de sair das salas com ar-condicionado e suar a camisa. Falou na Participação Direta nos Resultados que foi criada por ele e que renderia até 50℅ do salario-base para as secretarias que batessem as metas. Acontece que em 2016 isso ficou só na promessa, pois a Prefeitura não pagou ninguém.

Segundo consta, somente para Terracom a dívida bate nos R$ 85 milhões. Existem fornecedores que não veem a cor do dinheiro desde abril. Já os prestadores de serviços estariam sem receber desde outubro.Haja camisa suada pra resolver esses problemas.

Geraldinho vai bater chapa em 2018

​Foto:causaoperaria.org.br

Os socialistas do PSB chegaram a se animar com a possibilidade do atual governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, deixar o ninho tucano e ser candidato a presidente da República pela sigla de Márcio França, vice-governador. Mas, vontade dá e passa. 

Mais determinado do que nunca, Geraldinho vai bater chapa no PSDB e tentar nas prévias do tucanato, em 2018, ser o candidato do partido ao Palácio do Planalto.

Isso afasta qualquer possibilidade de uma troca de partido e ele deve encarar o presidente nacional do PSDB, Aécio Neves, na disputa. Neves, por sinal, já declarou que vai participar da disputa interna e que será candidato quem chegar em melhores condições.

Alckmin aposta nas administrações de João Doria, na Capital, de sete cidades da Baixada Santista, e outros grandes municípios do Estado para consolidar seu nome para 2018. A conferir.

                                                   

O que os jornalistas podem esperar para 2017?

onde-investir-dinheiroFoto: www.konkero.com.br

As perspectivas para os jornalistas da Baixada Santista para 2017 não são nada animadoras. As poucas empresas que têm profissionais fazendo jornalismo estão cada dia menores. Do outro lado, um legião de trabalhadores sem saber o quer virá a partir de janeiro.

O atento leitor deve estar se perguntando: e os profissionais que foram contratados pelos prefeitos recém-eleitos?

Infelizmente são poucos os escolhidos. Ao contrário do que se pensa, as vagas deixadas não serão repostas, mas servirão apenas como um alento pra quem fica, ou seja, essas saídas vão salvar os empregos de quem ficou.

O que intriga a categoria é que cada vez mais o jornalismo é deixado de lado. Os jornais, por exemplo, com a desculpa que precisam cortar despesas, diminuem seu número de páginas e,consequentemente, enxugam também a qualidade. Como sair da crise oferecendo um produto menor e com menos conteúdo?

Será que a crise está no Jornalismo? Na gestão das empresas? Ou é de credibilidade mesmo? Os profissionais, hoje, são multiplataforma, ou seja, trabalham e produzem para todas as mídias. A contrapartida oferecida é salário baixo, reposição anual abaixo da inflação, falta de um plano de cargo e salários entre outras coisas.

O Jornalismo não está em crise. O interesse pela informação é inerente ao ser humano. É um produto que não se esgota, mesmo sendo maltratado há tempos.

A Música Popular Brasileira homenageada em 24 ruas de PG

tupiry

Quais são as semelhanças entre Dalva de Oliveira e Cássia Eller? As duas são brasileiras, cantoras e fizeram sucesso em épocas bem distintas na música brasileira. No bairro Tupiry, em Praia Grande, Dalva e Cássia viraram nome de rua e têm ainda a companhia de mais 22 cantores conhecidos no Brasil.

Além dos artistas, dois políticos estão eternizados no bairro praia-grandense: o ex-presidente Tancredo Neves, e o ex-ministro de Estado Marcos Freire.

O Tupiry é um bairro residencial que fica às margens Rodovia dos Imigrantes. Numa pesquisa pela internet, pelo menos no Estado de São Paulo, é o local com o maior número de homenagens aos cantores do País.

Na Vila do Sol Nascente, bairro que fica a 35 quilômetros da Praça da Sé, pertinho do Pico do Jaraguá, na zona norte da Capital, 12 cantores são homenageados, a metade de Praia Grande.

Confira os 25 cantores homenageados na Praia Grande e a variedade de estilos que representam: Cazuza, Dalva de Oliveira, Paulo Sérgio, Luiz Gonzaga, Dorival Caymmi, Cássia Eller, Tim Maia, Adoniran Barbosa, Jovelina Pérola Negra, Carmem Miranda, Emilinha Borba, Clara Nunes, Raul Seixas, Renato Russo, Dercy Gonçalves , também comediante, Jamelão, Reginaldo Rossi, Cazuza, Elis Regina, Dominguinhos,Waldick Soriano, Nelson Ned, Leandro e Marcelo Fromer (Titãs).