Reprodução

O atento leitor do Blog Santos Em Off sabe que publicamos , no dia 8 passado, que a Câmara Municipal de Praia Grande anda sofrendo com a falta de um jornalista para cuidar da comunicação da Casa. A Língua Portuguesa vem sendo “assassinada” todos os dias nas diversas mídias.

Diante da repercussão negativa, a mesa diretora da casa agiu rápido. Os vereadores Ednaldo dos Santos Passos, o Reco,presidente, Paulo Emílio de Oliveira, primeiro secretário, e Janaína Ballaris, segundo secretário, apresentaram um Projeto de Lei (PL) na Câmara criando um concurso público para a contratação de um jornalista diplomado, no dia 9 de fevereiro.

O PL foi aprovado pelos vereadores e agora vai para a sanção do prefeito Alberto Mourão, que deve acontecer sem problemas. Após isso, o presidente da Câmara determina a organização e realização do concurso público. Uma das exigências será que o candidato tenha diploma de ensino superior em Jornalismo.Será apenas uma vaga.

Atualmente, a Câmara não tem um profissional de Comunicação contratado na assessoria da Casa. O resultado do pouco caso com a língua é: palavras escritas erradas, inexistência de crase, textos confusos, falta de vírgulas, falta de concordância etc. Nesta terça-feira, a palavra “sessões” foi escrita “sesoens” e ficou horas no site. Depois que virou chacota na cidade, o erro foi corrigido.