O fato do educador-auxiliar voluntário Leonardo Ribeiro Fernandes, de 33 anos, trabalhar diretamente com crianças e a possibilidade de apagar as provas contra ele pela acusação de pedofilia foram determinantes para a prisão em flagrante, sem direito à fiança e encaminhamento à Cadeia Pública de Santos,na última quinta-feira.

Leonardo trabalha no Cais Professor Milton Teixeira, dentro do Programa Escola Total, da Prefeitura Municipal de Santos, que atende mais de 3 mil crianças por semana. Este projeto funciona no contraturno do horário escolar e um dos seus objetivos é minimizar os participantes à exposição a riscos sociais. Algo parece que deu errado.

Ele atuava lá desde fevereiro deste ano, após ter se habilitado em processo seletivo da Secretaria de Educação de Santos. A Prefeitura garante que não existe qualquer ocorrência envolvendo sua atuação.

O educador foi preso na quinta-feira passada, na Ponta da Praia, depois que o pai de um adolescente de 13 descobriu um encontro com intenção sexual entre o rapaz e o monitor. Na casa do acusado, a Polícia apreendeu uma CPU de um computador que continha vídeos de menores fazendo sexo e o celular que com fotos de crianças e conversas com teor pornográfico.

Publicamente, a Prefeitura de Santos não se manifestou sobre a prisão do acusado de pedofilia dentro de um projeto sob sua responsabilidade, se está fazendo algum tipo de acompanhamento ou sobre a existência de outros menores que foram assediados por Leonardo depois da detenção. Como estarão os pais das crianças que frequentam o Cais Milton Teixeira diante desse fato?

Ao Blog Santos em Off, a Secretaria de Educação informou que Leonardo Fernandes foi afastado imediatamente da função que exerce como forma preventiva, a fim de proteger e preservar os alunos.

Por falar em Programa Escola Total, o Blog Santos Em Off obteve a informação que a Prefeitura de Santos, que anda atolada em dívidas, está suspendendo o transporte das crianças das escolas que estudam dentro da Cidade para o Programa Escola Total, no Cais Milton Teixeira, tornando a participação quase impossível, por tratar-se, na sua maioria, por famílias pobres.

Agradecimento

O Blog Santos Em Off foi criado em dezembro de 2016. Nesta segunda-feira, depois da publicação de 177 textos, chegamos à marca de 105 mil visualizações. Fica aqui meu agradecimento a todos que apoiaram este projeto e a promessa de continuar exercendo com dignidade a profissão de jornalista. A conferir.