Pré-candidato quer integrante da família Teixeira na sua chapa- Coluna “Nos Bastidores do Santos”

Nesta coluna, vamos abordar que as conversas seguem intensas e alguns candidatos querendo o apoio ou participação de nomes conhecidos na Cidade na composição das chapas.
Bomba?
A coluna ” Nos Bastidores do Santos FC” recebeu a informação que um dos pré-candidatos a presidente do Alvinegro estaria disposto a contar com um nome conhecido da Cidade para ser seu vice-presidente nas próximas eleições, visando angariar os votos dos torcedores que moram na Baixada Santista, principalmente.
Será?
José Carlos Peres, o ex-presidente Marcelo Teixeira e o Marcelinho Teixeira teriam sido vistos jantando em Santos nesta semana. No cardápio: uma provável  candidatura de Marcelinho a vice de Peres em dezembro.
Negou
Em contato com a coluna, Marcelinho Teixeira negou a candidatura e disse que o estatuto do clube não permite que ele dispute como presidente, vice ou integre o Comitê de Gestão do Peixe, já que não tem a idade mínima exigida que é de 30 anos. Marcelinho tem apenas 21 anos. Destacou que Peres é um grande amigo e que deseja boa sorte se ele for candidato.
Futuro
Marcelinho Teixeira, porém, já deixou claro que no futuro pretende brigar por um cargo no comando do Santos Futebol Clube, sempre sob observação do pai, o ex-presidente Marcelo Teixeira.
Oposição
O jornalista Odir Cunha segue firme com a intenção de disputar a próxima eleição no Santos. Líder do ” Movimento por um Santos Melhor” ele prega mais transparência, competência, profissionalismo e ousadia. De acordo com ele, o torcedor voltará a apoiar mais o time, indo aos jogos e se associando ao clube, quando sentir mais credibilidade nas pessoas que dirigem o Santos.
Rollo explica
Sobre a informação que estaria fechado com a candidatura de José Carlos Peres, Orlando Rollo procurou a coluna para fazer algumas ponderações. Ele destaca que é favorável a uma chapa única de oposição e que algumas lideranças expressivas estão se reunindo a favor desse objetivo. Ele lembra ainda que o grupo político de Nabil Khaznadar deve lançar um candidato também e pelo fato de Peres ter ficado em segundo lugar na última eleição defendeu o nome dele.
Apesar disso…
Rollo lembra que não tem nada contra Nabil, mas entende que a candidatura de Peres reúne maior chance de êxito. Ele reafirmou que ainda não tem nada decidido e que lutará até o fim por uma chapa única de oposição.
Movimento
Andres Rueda, também apontado como pré-candidato, garante que está  empenhado em montar um movimento de oposição no Santos. Ele diz que todos os grupos políticos foram convidados a participar desde que aceitassem princípios de gestão que constam num documento elaborado previamente. Rueda garante que os sócios estão divididos em 12 grupos e, democraticamente, os cabeças de chapa vão ser escolhidos por votação dos grupos aderentes. Portanto, ele ainda não sabe se terá seu nome escolhido para participar da eleição santista.  A conferir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *